Mostrando postagens com marcador manejo racional. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador manejo racional. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 23 de maio de 2019

Inseticidas: apenas quando necessários

Um grande desafio do cajucultor é ter que decidir dentre as várias opções de controle das pragas, qual a mais adequada e quando aplicá-la racionalmente. A identificação correta da praga e sua bioecologia, associada à época de ocorrência e a fase de desenvolvimento da planta são informações indispensáveis à determinação do nível de controle e da consequente medida a ser adotada.

O monitoramento populacional e a aferição dos danos causados são práticas fundamentais para uma correta tomada de decisão, em um sistema de manejo racional de pragas. Tudo isto visa evitar que o produtor aplique de forma indiscriminada inseticidas ou outros produtos químicos sem que sejam efetivamente necessários e,  algumas vezes, causando a morte de inimigos naturais e até mesmo de insetos polinizadores. Portanto, muito cuidado: às vezes o tiro pode sair pela culatra e você pode estar jogando dinheiro fora.  Não faça pulverizações desnecessárias. O meio ambiente, os polinizadores e o seu bolso agradecem.

Clique aqui e acesse uma publicação que orienta como fazer o reconhecimento e monitoramento, objetivando a correta tomada de decisão para o controle eficaz das principais pragas do cajueiro.