sexta-feira, 5 de outubro de 2018

Queda na exportação de castanha afeta crescimento da Guiné Bissau

A estimativa de crescimento econômico de 2018 da Guiné-Bissau foi rebaixada para 3,8%, depois de uma média de crescimento 6% no período de 2015 a 2017 devido à queda na safra de caju e consequente redução na exportação de castanha Guiné Bissau in natura, de acordo com dados do Fundo Monetário Internacional (FMI).
A castanha de caju continua sendo a principal atividade econômica da Guiné Bissau, que exporta praticamente toda a sua produção in natura, especialmente para o Vietnã.

Nenhum comentário: